O que fazer agora que todos foram embora, não vejo mais nada ou ninguém em torno de mim, o que fazer? Amanheci assim com jeito de chuva nos olhos e uma solidão maior do que eu. Não, não sei pra onde foram ou se quem foi fui eu. Só sei que a ilha que eu estava ficou de repente maior, mas não me cabe mais. Estou assim sem espaço pra mim. Não estou cabendo em nada. Minha casa não é mais minha e a casa de minha alma não existe mais, há um nonsense no ar que me deixa perdida. Na verdade, nem sei se procuro, ou o que procuro, só sei que algo tem de ser achado pra chuva ir embora e eu voltar. Ou quem sabe andar com a chuva, eu e minha solidão brilhante que reflete a cor das paredes. Quem sabe.

E eu continuo amando Curtis Salonick

Anúncios